NOSSOS BLOG'S

BLOGS: * das Xerifas - FORASTEIROS: * Tradição
Aqui, quando mortos, viveremos, quando mudos, falaremos.

quarta-feira, agosto 29, 2012

FIM DAS CARTAS

As  cartas, fazem tempo que não são cartas  e sim apenas cartões , tinham que cair fora mesmo, estão ultrapassadas, hoje nem é mais Azul ou Laranja e por serem desrespeitadas seguidamente perderam a razão de ser.Bem feito pras cartas que dão a reserva para os bons e a titularidade para quem não podia nem fardar.
O desrespeito com as cartas ultrapassam alguns limites e atinge os sentimentos de alguns dos integrantes do grupo, uns não demonstram por que não sabem que é por eles que as cartas são desrespeitadas, para outros, inclusive eu, tenho ciência que as cartas são desrespeitas por  minha causa
Não tenho tom de voz alto e não consigo falar com quem fala mais alto que eu,por isso me calo, se falo é apenas para fazer uma piada da situação, taí mais uma prova de que quem  fala mais alto esteja com a razão.
Porém tenho uma arma poderosa a meu favor, o blog, uso-o a meu favor neste momento em que estou chateado.Frase perdida no meio do texto para que nem todos leiam
Quando brinco que os times brigam por minha causa, um me empurrando para outro, tem gente que ri e pensa que estou morrendo de felicidade, ledo engano, o bobo alegre aqui também ri,  mas chateadissimo.
Só não tomo atitudes mais drásticas por que Forasteiros é um vício, como todo vício é complicado largar.
Para me contentar vamos tirar as cartões fora, vamos fazer que nem aquele corno que quando chegou em casa e encontrou sua mulher transando com o Ricardão no sofá da sala, tomou uma atitude drástica, tirou o sofá da sala.
Com as cartas caindo fora, vamos tentar os búzius ?

Eduardo Bortolini disse ...Estou abraçando a bandeira que Feck levantou porque compartilho com a opinião dele. O time forasteiros ou melhor, a família forasteiros não pode tratar um ou mais de seus componentes por suas qualidades técnicas, porque na verdade não existem componentes com qualidades superiores em relação aos seus membros, pois se assim fosse, não teríamos o time forasteiros e seríamos todos profissionais do futebol. Portanto, devemos fazer uma reflexão das atitudes tomadas em relação aos amigos que fazem parte deste time, pois a amizade é maior do que estas atitudes pequenas que acontecem na formação dos times. "Portanto, deixem as cartas falarem e que DEUS nos ajude!
Abraços: Eduardo Bortolini

A minha opinião sobre as cartas o grupo ja sabe, mas vou tornar a expressá-la: AS CARTAS TEM QUE SEREM RESPEITADAS, não importa se eventualmente um time fique mais fraco que o outro. O nosso, ou pelo menos o meu, intuito é de me divertir, desopilar. A vitória ou derrota é só o resultado de uma confraternização, uma brincadeira entre amigos. Não entro na quadra pensando em ser o campeão do mês, ser o goleador do ano; entro para me divertir, exercitar, estar entre amigos... FECK, estou solidário à ti e digo-te que Feck e Forasteiros começam com F e são inseparáveis!
9:08 AM
Excluir

AnônimoAnônimo disse...
ACHO QUE AS CARTAS SÃO INTOCAVEIS,DEVEMOS NOS IMPORTAR MENOS COM DERROTA OU VITÓRIA,AFINAL DENTRO DE UMA FAMILIA NÃO AXISTE COMPETIÇÃO E SIM CONFRATERNIZAÇÃO!! UM ABRAÇO A TODOS.....GERALDO MATTANA
1:31 PM
Excluir

BloggerHELVIO GOMES disse...
Deixa a cartas quietinhas, como vou poder chegar atrasado e tirar a minha carta tranquilamente, sem as cartas eu vou botar os pés no ginásio e alguém vai gritar "-vem Helvio, compartilhar estes 23 a 0(zero), vem correr atrás deles para nós "craques" ficar gritando e não marcando ninguém", com as cartas eu jogo quando o time me permite se ele não me permite não jogo, assim várias vezes aconteceu, eu passo 21 dias sem jogar e quando vou fazer o jogo mensal corro por alguns postes não tem noção, resultado: mais 21 dias parado. Quanto ao Feck sou solidario na indignação de ve-lo discriminado (por vezes), não vamos conseguir "acabar" com esse bulling de quadra porque somos animais, por vezes racionais outras tantas não.
3:55 PM
Excluir

Postar um comentário

Arquivo do blog